Seguidores

quinta-feira, 28 de maio de 2020

DE QUARENTENA MAS GLOSANDO NA REDE


.

DE MORTA ESTOU ME FAZENDO
PRA VIDA NÃO ME MATAR.
Mote de Dalinha Catunda
1
DALINHA CATUNDA
O Mundo inteiro parou
Com esse vírus mortal
Sem prazo pro seu final
Só angústia nos restou
Mas levando a vida vou
Sem alarde propagar
A todos tento animar
Mas meu peito está doendo:
DE MORTA ESTOU ME FAZENDO
PRA VIDA NÃO ME MATAR.
2
CREUSA MEIRA
O momento é angustiante
Com tanta notícia triste
Em todo lugar existe
Este dilema constante
É morte a todo instante
Que se faz anunciar
Difícil não se assustar
Com o que está acontecendo
DE MORTA ESTOU ME FAZENDO
PRA VIDA NÃO ME MATAR.
3
ANTÔNIO CASSIANO
vou respirando o tormento
enclausurando o meu eu
para não ser um ateu
vendo tanto sofrimento
tanta angústia e lamento
tanta morte sem cessar
vou tentando me acalmar
do vírus me escondendo
de morto estou me fazendo
pra vida não me matar
4
MARÍLIA COSTA
A toda hora se vê
Na notícia do jornal
Essa doença a crescer
Com seu instinto fatal
E o povo sem se ligar
Pela rua passeando
Por isso em todo lugar
Muita gente está morrendo
De morta estou me fazendo
Pra vida não me matar.
5
VÂNIA FREITAS
Às vezes fico abatida
Mas logo me reanimo
E Jesus me faz um mimo
Renovando a minha vida
Mas alegria vai morrendo
Luto para me alegrar
Pego o terço e vou rezar
Para quem está morrendo
DE MORTA ESTOU ME FAZENDO
PRA VIDA NÃO ME MATAR.
6
JOSÉ WALTER PIRES
Já nem sei o que dizer
Dessa cruel pandemia
Que a nossa vida atrofia
Sem jamais arrefecer
O meu medo de morrer
Que começa a me atacar
E que tende a piorar
Nessa angústia vou vivendo
De morto estou me fazendo
Pra vida não me matar!
7
DAVID FERREIRA
Esse vírus, realmente,
nos ataca e não desiste,
esfomeado ele insiste
em nos tornar, claramente,
presa fácil, impotente,
sem condição de enfrentar,
sem força pra se livrar,
desse intruso tão horrendo...
De morto estou me fazendo
pra morte não me abordar.
.8
DIDEUS SALES
Tenho soltado suspiros
E a Deus suplicado sorte,
Nervoso com tanta morte
Por esse corona vírus.
Enfarte, facadas, tiros...
Preferia nem lembrar,
Mas de tanto ouvir falar
Dessas pessoas morrendo,
De morto estou me fazendo
Pra vida não me matar.
9
JOAQUIM MENDES JOAMES
Eu passo os dias deitado
Lendo histórias em cordel,
À noite mexo em papel
Que rabisquei no passado;
Assim eu fico ocupado,
Nem sinto o tempo passar,
Além de me aprimorar
Do corona me defendo!
DE MORTO ESTOU ME FAZENDO
PRA VIDA NÃO ME MATAR!
10
BASTINHA JOB
Se a vida me der limão
Faço dele limonada
Sinto até adocicada
Pra suportar o rojão
Desse vírus tão vilão
Que grassa em todo lugar
A ele vou enganar
No mote me defendendo:
DE MORTA ESTOU ME FAZENDO
PRA VIDA NÃO ME MATAR.
11
LUZARTE DE MEDEIROS BRITO
Tenho mais já de sessenta...
E se este vírus pegar-me,
Digo, sem fazer alarme,
O velho não aguenta,
Quero atingir os noventa'
Em estado salutar,
Para a vida prolongar
A doença não me rendo,
DE MORTO 'TOU ME FAZENDO
PRA VIDA NÃO ME MATAR.
12
RIVA MOURA TEIXEIRA
Eita vidinha malvada
Só me arma esparrela
Todo dia é mais cancela
Q ela deixa escancarada
Mas eu fecho oh safada
Mas pare de azucrinar
Quero uma sina traçar
E não ficar se escondendo
DE MORTO ESTOU ME FAZENDO
PRA VIDA NÃO ME MATAR.
13
AIRAM RIBEIRO
Famoso vírus chinês
Veio pra acabar com tudo
Mas aqui no meu estudo
Isso não foi Deus quem fez
Matando muitos duma vez
Numa cama hospitalar
Não dá para acreditar
O fim, está parecendo
DE MORTO ESTOU ME FAZENDO
PRA VIDA NÃO ME MATAR.
14
INEIFRAN VARÃO
É grande a minha tristeza
Hoje eu perdi outro amigo
Que o vírus levou consigo
Mas peço a Deus de grandeza
Que elimine a malvadeza
Que é essa doença sem par.
Em quarentena e a rezar
Com cuidado vou vivendo
DE MORTO ESTOU ME FAZENDO
PRA VIDA NÃO ME MATAR.
*
Roda de glosas coordenadas por Dalinha Catunda
dalinhaac@gmail.com

Um comentário: